Festejos de Barro Duro

Festejos de Barro Duro

Pesquisar este blog

domingo, 31 de março de 2013

Impostos e margens explicam preços altos

Dólar barato e ineficiências também contribuem para os custos elevados dos produtos industrializados


Produtos industrializados custam entre o dobro e o triplo do preço no Brasil, em comparação com outros países. O que mais pesa são os impostos, a margem de lucro e o valor do real frente ao dólar. A ineficiência da indústria, a precariedade da infraestrutura e a baixa produtividade dos trabalhadores, combinada com seus salários em alta, são problemas adicionais. Os industriais, atacadistas e varejistas brasileiros ganham dinheiro de forma diferente dos de outros países capitalistas. Em vez de vender muito, ganhando pouco por unidade, eles vendem pouco, com larga margem de lucro.

O governo brasileiro, além de cobrar alíquotas altas, calcula os impostos também de forma diferente da de outros países. Se o produto vale R$ 100 e a alíquota é de 30%, o governo não cobra R$ 30. A alíquota é aplicada não sobre R$ 100, mas sobre R$ 130. Nesse exemplo, em vez de R$ 30, o governo recebe R$ 39. Os tributos vão sendo aplicados, uns sobre os outros, e a cada vez que o produto muda de mãos.

A pedido do Estado, a importadora Sertrading fez o cálculo dos impostos sobre três produtos - celulares, calças jeans e brinquedos. Considerando preço inicial de R$ 100 e margens de lucro de 10%, os celulares saltaram para R$ 278 (178% mais), as calças jeans, para R$ 308 (208% mais) e os brinquedos, para R$ 408 (308% mais).

O professor Alcides Leite, da Trevisan Escola de Negócios, pesquisou, para o Estado, os preços de iPad, tênis Nike, camisa Lacoste e o automóvel Corolla no Brasil, nos Estados Unidos, onde quem pode vai fazer compras, no México, país com nível semelhante de industrialização do Brasil, e na Itália, conhecida pela carga tributária e burocracia. Quando os preços são convertidos para reais, constata-se que todos custam mais caro no Brasil.
O Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário calculou então os impostos cobrados nos quatro países sobre esses quatro produtos. Mesmo subtraindo-se os impostos, continuam bem mais caros no Brasil (ver infográfico).

Estudo do Sindipeças, o sindicado dos fabricantes de peças para automóveis, constatou que a margem de lucro das montadoras no Brasil é o dobro da média mundial e mais do triplo da dos EUA. Em média, as montadoras lucram 10% no Brasil, 5% no mundo e 3% nos EUA. Os impostos também são maiores: 32% no Brasil, até 16% no mundo e de 6% a 9% nos EUA.
"É margem de lucro", constata Alcides Leite. "Falta concorrência." Cláudio Felisoni de Ângelo, do Programa de Administração de Varejo da USP, analisa: "A margem aqui é bem maior por causa do exercício do poder de monopólio pelas empresas no Brasil, e também por causa da escala".

Felisoni fez um estudo comparativo das promoções da Black Friday, tradicional liquidação do Dia de Ação de Graças nos EUA, agora copiada no Brasil. "Nos EUA, os descontos são substanciais", observou. "No Brasil, ou não houve descontos ou os preços foram majorados." Felisoni nota que, nos EUA, qualquer produto está disponível em duas ou três lojas a distância a pé. "O primado do mercado é a competição interna, enquanto aqui há muito menos concorrência", compara. "No Brasil, 40 milhões de pessoas ascenderam à classe média e não têm costume de pesquisar preços na internet." Seu critério é se as parcelas cabem no bolso.

A prazo. "As redes de varejo fazem parcerias com financeiras, que instalaram escritórios nas lojas", descreve Alcides Leite. Os preços embutem o custo do financiamento. Não há desconto à vista, até porque não interessa aos comerciantes expor o quanto estão cobrando pelo parcelamento.

"As margens aqui são maiores porque os volumes são menores", constata Miguel Jorge, ex-ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, e consultor de comércio exterior. "Quando vê que o seu produto importado está mais barato, o vendedor aumenta a sua margem e aproxima o preço final do praticado no mercado interno."
Exemplo recente disso foram os aparelhos da Apple. Fabricados em Campinas com incentivos da Lei de Informática, ainda assim eles continuaram com os mesmos preços de quando eram importados. Procuradas, a Apple e a fabricante Foxconn não quiseram comentar o tema.

Em 2010, a indústria automobilística remeteu US$ 4,1 bilhões em dividendos para o exterior; no ano seguinte, o valor alcançou o recorde de US$ 5,6 bilhões. "Fora o dinheiro que ficou, para investimento", anota Miguel Jorge. No ano passado, houve mais investimentos, e as remessas somaram US$ 2,4 bilhões. "É muita margem", conclui. "A indústria é muito ineficiente porque o empresário está muito acostumado com a proteção. Nunca estivemos expostos à competição. Nem todos os países do mundo são produtores de tudo. Teríamos de nos especializar no que fazemos bem."

Um dos setores mais protegidos, o de eletroeletrônicos, registra um dos maiores déficits comerciais (exportações menos importações): cerca de US$ 20 bilhões no ano passado. Dessa importação, 70% vai para a Zona Franca de Manaus, que não fabrica: monta, porque as peças e componentes são isentos de impostos de importação para lá. Esses impostos têm peso tão expressivo que, mesmo com os altos custos de transporte, os importados para São Paulo não conseguem competir com os produtos vindos de Manaus.

Nesse caso, fica claro que o intuito de promover a indústria nacional, mesmo ao custo de preços mais altos, perdeu-se. Ficaram apenas os preços mais altos. Mas fica também a alta arrecadação, que sustenta um governo que gasta cada vez mais. "O governo é o grande sócio, e ineficiente", resume Felisoni. "Todo mundo quer ganhar do consumidor final: o governo, a indústria e o comércio", define José Roberto Ferro, especialista no setor automotivo. "Mesmo com custos altos, as empresas conseguem margem de lucro razoável, porque o mercado é aquecido. O preço é dado por quanto o consumidor está disposto a pagar. Carro popular custa R$ 40 mil no Brasil porque as pessoas aceitam pagar esse preço."

"Noutros países, se a demanda cai, há guerra de preços", observa Ferro. "No Brasil, toda vez que o mercado começa a dar sinais de crise, o governo reduz os impostos temporariamente, protege os carros nacionais contra os importados e deixa intactos a margem de lucro e os preços. Não há competição real com os outros países." Na sua visão, os problemas de custos de produção só serão levados a sério quando as margens caírem. Só então a indústria investirá em eficiência. "A Fiat está mal na Europa e a GM, no mundo inteiro", exemplifica o especialista. "No Brasil, as duas estão bem."

A Anfavea, que representa as montadoras no Brasil, afirma não dispor de dados sobre a lucratividade das empresas. "Porém, pela pressão dos custos e pelo grau de concorrência do mercado, não são possíveis resultados fora de padrão", estima Ademar Cantero, diretor de Relações Institucionais da Anfavea. Ele argumenta que "essa concorrência tem pressionado os preços dos veículos para baixo, não permitindo o repasse dos crescentes custos de produção". Entre 2005 e janeiro de 2013, enquanto a inflação medida pelo IPCA foi de 51,5%, o preço dos veículos, pelo mesmo índice, caiu 8,2%.

'Proteção'. Antonio Pargana, da importadora Cisa Trading, vê ligação entre as dificuldades de importar no Brasil e margens altas. "Não bastassem os impostos na veia, um emaranhado de normas fiscais e parafiscais dificulta o entendimento e a formação de preço", analisa ele. "Quando uma situação é desconhecida, na dúvida, o empresário se protege com margens mais altas." Além disso, diz Pargana, as dificuldades "afastam os que poderiam importar, mas têm medo, e outros se aproveitam para cobrar preços excessivos". Segundo ele, "o pequeno e o médio importador têm medo de entrar e, quando entram, tentam ganhar uma fortuna, com quantidade pequena, em vez de importar em grande volume".

"A administração tributária comete ousadias incompreensíveis, que causam insegurança jurídica", critica Luís Carlos Melo, diretor do Centro de Estudos Automotivos e ex-presidente da Ford do Brasil. Ele cita a sobretaxa de 30 pontos porcentuais sobre o IPI dos carros importados, aplicada como reação a suposta "invasão" de automóveis chineses. "Em nome da proteção da indústria nacional, manda-se toda a previsibilidade para o espaço. A margem deve ter algum tipo de colchão."

"As mudanças constantes desorganizam o comércio: num ano um produto não tem tarifa, noutro, tem de 10% ou 15%", concorda o embaixador José Botafogo Gonçalves, ex-secretário-geral da Câmara de Comércio Exterior da Presidência.
"Não é imposto", constata o tributarista Fernando Zilvetti, da Fundação Getúlio Vargas. "Ninguém aqui abre a margem. Lucro deve ser obtido com base na produtividade, em uma margem com escala." O mercado consumidor no Brasil explodiu, diz Zilvetti, mas o preço não cai. "Compensa produzir aqui, tanto que estão vindo fábricas para cá", observa o tributarista. "É cíclico: o empresário se queixa e o governo faz o que ele quer, não o que é melhor para o consumidor."

sábado, 30 de março de 2013

Remédios ficarão mais caros a partir de hoje (30)


                      


Os preços dos medicamentos vendidos no país poderão ser reajustados a partir deste sábado (30). O anúncio foi publicado no Diário Oficial do último dia 12. De acordo com a Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos, do Ministério da Saúde, o reajuste deve ser calculado com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), entre março de 2011 e fevereiro de 2012, nos ganhos de produtividade das empresas de medicamentos e no preço dos insumos usados na produção dos remédios.

“É justo que as empresas reajustem o preço de seus produtos. É a lei do mercado. No entanto, o grave problema da falta de acesso a medicamentos deve ficar ainda mais complicado para a população. Precisamos de alguma saída que melhore as condições de quem precisa e não consegue seguir um tratamento medicamentoso, por não ter recursos suficientes para isso”, diz Rodrigo Bacellar, diretor da PBMA – Associação Brasileira das Empresas Operadora de PBM (Programa de Benefício em Medicamentos).

Segundo pesquisa divulgada em 2012 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), o gasto com a saúde está entre as quatro maiores despesas das famílias brasileiras - junto com habitação, alimentação e transporte.

“Muitas pessoas interrompem o tratamento porque o dinheiro acaba”, diz Bacellar. Ele acredita que se mais empresas adotassem o PBM, por meio de incentivos fiscais, e o Governo isentasse os remédios de impostos, esse problema estaria muito próximo de uma solução.

“Pesquisas do setor apontam que mais empresas adotariam o PBM se houvesse incentivo fiscal, como acontece com o Programa de Alimentação ao Trabalhador (PAT)”, afirma o diretor da PBMA. Hoje, no país, um pouco mais de 2 milhões de pessoas recebem algum tipo de subsídiopara compra de medicamentos das empresas onde trabalham. A ajuda oferecida pelas empresas é de, em média, 50% do valor dos remédios. Unilever, Nestlé, Petrobras, IBM e Oi são alguns exemplos de empresas que já aderiram ao PBM.

Quanto à isenção de impostos, Bacellar sugere o fim da cobrança do PIS, COFINS e ICMS sobre medicamentos. “Recentemente foi divulgada uma simulação em que os remédios ficariam 11% mais baratos, se o Governo cortasse o PIS e a COFINS. Em alguns casos, a diferença chegaria a 27% se houvesse isenção também do ICMS”, diz Bacellar. “Com a queda de investimentos públicos nessa área, é imprescindível que outras medidas sejam adotadas pelo Governo, mas com urgência”, conclui.

via merecedestaque/Sobral 24Hs

sexta-feira, 29 de março de 2013

TUTÓIA: 75 ANOS DE EMANCIPAÇÃO POLÍTICA, "TUA GENTE E AS TRADIÇÕES QUE COMPÕEM SUA HISTÓRIA"

Nesses 75 anos de emancipação política vários foram os personagens que se eternizaram e se eternizam como compositores de tua história, cada um no seu segmento, na sua característica e peculiaridade.

Evidenciamos um pouco disto, na poesia abaixo:

                                               


Tutóia e seus personagens 


Tutóia, quero falar de você
de seus personagens
de suas belezas e glórias
dos heróis que compõem sua história.

Os índios teremembés povoaram
Paulino Neves com sua colaboração
ajudou no desenvolvimento
e na sua emancipação.

"O pastor de Tutóia", Monsenhor Hélio Maranhão
Pe. Jocy Neves, grandes nomes da religião
Nonato Freitas o compositor
da aquarela e de sua canção.

Professora Zelinda
um alicerce construiu na educação
professora Marilze, teve sua participação.
As donas "Marias",
parceiras fiéis da tua composição.

Bernarda Cantanhêde e seu Cazuza
escritora e poeta imortal
Antonio José Neves
criador da magnífica festa do arraial.

Antonio Vaqueiro e Teco-Teco, Cabo Ju e Cabo Gerson,
suas vozes pela cidade ecoou
dona Elza do caroço
a cultura pelo Brasil espalhou.




Zilmar Melo enfermeiro
Datinha, teu esportista guerreiro.
Nossa Senhora de Nazaré
padroeira desse povo de fé.

Seus frutos do mar
tuas praias e dunas,
o pescador e o lavrador
são as marcas do teu cidadão trabalhador.

Teu povo é o personagem principal
dessa história escrita no tempo
singela, rica e verdadeira,
moderna, simples e hospitaleira.




(Neto Pimentel)


Além desses nomes, Tutóia conta com suas festas religiosas tradicionais e da cultura popular, que são manifestações que durante todo o ano dão vida a sua gente, num espaço contagiante de fé e alegria.

Quantos e quantos não tem sua própria história de vida, ligadas as festividades citadas abaixo:

TRADIÇÕES



Terra de povo simples
gente de hospitalidade
festejos alegres
cultura e diversidade.

cidade rica em paisagens
de grandes tradições
os festejos de Barro Duro e Bom Gosto
são tantas emoções.

E o festejo de São Paulo
protetor do Paxicá
São Camilo de Lélis, esse é tradicional,
abençoa Lagoa grande e também o Taboal.

Os festejos do Comum e Monte Castelo
abençoados por São Judas Tadeu
promessas e bênçãos
crenças que o povo escolheu.

Como é alegre seu carnaval
a festa do arraial
os festejos de Tutóia Velha
são um patrimônio, é sensacional.


 Nossa senhora de Nazaré
padroeira dos tutoienses
povo de muita fé, devotos obedientes,
são essas tradições
que fazem a história dessa gente.


(Neto Pimentel)



PARABÉNS TUTÓIA!!! 75 ANOS DE UMA HISTÓRIA ESCRITA NO TEMPO


De 1724 a 1728 foram dados os primeiros passos no sentido do progresso de Tutóia. Foi feito o aldeamento dos índios pelos padres Jesuítas, onde se destacou o padre João Tavares, no sítio chamado Mayrim dos índios, hoje Tutóia Velha, onde já haviam dado princípio a edificação de uma igreja. Por ordem régia de 1º de agosto de 1758, foi criado o município com denominação de Vila Viçosa.

Em 1871 foi elevado a categoria de Vila. Com a passagem da sede, do interior para o litoral, e com a criação de uma indústria salineira, foi dado à nova sede o nome de Salinas.

Em 1938 foi baixado um Decreto-lei nº 45 de 29 de março de 1938, pelo qual foi mantido o nome de Tutóia, elevado de Vila a categoria de cidade.

Em 1940 sua população era estimada em 2.518 habitantes (Fonte:IBGE recenseamento geral do Brasil - 1º de setembro de 1940, série regional parte IV, Maranhão, Rio de Janeiro, IBGE, 1952). No ano 2000, sua população era de pouco mais de 37 mil habitantes. Atualmente, segundo o censo do IBGE 2010, sua população ultrapassa a casa dos 52.700 habitantes.

Podemos considerar essa população no horário de pico e comercial maior, principalmente no perímetro urbano, devido a migração pendular(vinda de pessoas de outras cidades da região para utilizarem os bens e serviços da cidade, banco, lotérica, INSS, etc, retornando após o uso, depois de terem de alguma forma utilizado também o comércio local), contribuindo com o destaque que a cidade tem entre os  municípios da mesorregião Norte Maranhense.

Tem uma cultura diversificada, com raízes no Bumba-meu-boi, conhecido na cidade como tradicionais, tendo nomes eternizados na memória de sua gente, entre eles, Antonio Vaqueiro, Teco-Teco, Cabo Ju, Cabo Gerson, entre outros. Nos primórdios da década de 90, teve acrescentado a manifestação o sotaque de orquestra, com o bumba-boi Realeza, e na década passada, esse sotaque teve seu apogeu, com mais de 20 grupos espalhados pelo município, chegando a ser uma referência no estado, anos em que o público ficava até 3 e 4 da manhã no arraial para vê a apresentação do seu grupo preferido.

Mas, é no caroço, que a cultura de Tutóia ficou conhecida nacionalmente e até internacionalmente, com a Rainha Elza do caroço, assim conhecida por todos, essa manifestação é divinamente tutoiense. Hoje foi acrescentado em sua cultura, manifestações e ritmos de outros Estados, prevalecendo as danças como ponto alto dos arraiais, com destaque para o Ritual Amazônico de Bom Gosto, a Dança Tupã e Dança Pajé.

Seu esporte, nos últimos anos ganhou respaldo no cenário nacional e internacional, na modalidade Beach Soccer, sendo tetracampeã maranhense, com destaque para o jogador Datinha, que além de compor a seleção brasileira, já jogou em clubes da Europa, e atualmente está compondo um desses. Datinha  além de craque, é um exemplo a ser seguido, filho de um pescador e de família pobre, deu a volta por cima de maneira digna e através de seu talento superou limites e atravessou fronteiras. Talento este, que é visto em outros inúmeros meninos no município.

Geograficamente, Tutóia está localizada em frente ao Delta das Américas e ao lado dos Lençóis Maranhenses, para especialistas do setor, como a melhor entrada ao Delta e acesso aos Lençóis, compreendendo em seu território ilhas paradísicas, praias, lagoas e rios, abundâncias de atrativos. Em suma este setor é pouco aproveitado e propagado. 

Eis aqui, apenas um resumo do passado e um pouco da atualidade dessa cidade, que é acolhedora por natureza, que faz pessoas que não saíram de seu ventre, considerá-la como terra mãe. Resido mais da metade de minha vida em seu espaço, aprendi a amar, respeitar e valorizar essa terra, muito mais do que alguns de seus filhos natos. Uma terra de potencialidades em vários setores, que, se um dia forem aproveitadas com veemência, será uma cidade que além de crescer, se desenvolverá economicamente e socialmente com muito mais afinco.

Abaixo uma toada do bumba-meu-boi Humaitá do bairro Paxicá(atualmente inerte desde 2008), letra de minha autoria e melodia de Charles William, que retrata um pouco das belezas colossais que tanto fascinam.


CONSAGRADA TUTÓIA

Tutóia, minha cidade
de passados e tradições
das palmeiras e dos sabiás
das matas e do beira-mar
neste canto vou mostrar
tua beleza e o teu luar.

Das tribos dos Teremembés
das salinas e das canções
dos festejos de São João
das fogueiras e do bumba-meu-boi
que levam alegria e animação
glorificando seu nome
por todo Maranhão.

Tu és jovem, e és pequena,
tu és linda, e és morena,
de povo vencedor
guerreiro e batalhador
honrando teu nome
e te dando valor.

Das tribos dos Teremembés
das salinas e das canções
tua brisa e manguezais
tuas dunas e coqueirais
refletem sua glória
fazendo história
és minha Tutóia.


                                                                                                          (Neto Pimentel)








quinta-feira, 28 de março de 2013

Homenagem a Tutóia pelos seus 75 anos


TUTÓIA, TERRA TÃO LINDA



No amanhecer
no sol nascente já posso vê
tua infinita beleza
refletida em tua natureza.

No meio-dia
os raios do sol forte
reflete o azul celestial
no seu imenso mar
praias belas à me encantar.

No entardecer
nas tuas dunas de areia
banhadas por lagoas de águas de chuva
crianças brincam, famílias passeiam
cenário perfeito de encontros e lazer
onde casais só vão embora
quando o sol se esconder.

E no anoitecer
a lua e as estrelas ficam a brilhar
tornando suas noites belas
onde muitos gostam de apreciar.

Durante a madrugada
o silêncio toma conta de ti
E a meia-luz fica a refletir
tua beleza bem vinda
assim és Tutóia, terra tão linda.

(Neto Pimentel)

Colisão entre Toyota Bandeirantes e Frontier na MA 034 no trecho do bairro Nova Terra em Tutóia-MA

Ontem a noite, 27 de março, por volta das 23: horas, ocorreu uma colisão entre uma Toyota Bandeirantes e uma Frontier, na MA 034, no trecho entre o bairro Comum e o povoado Bom Gosto, mas precisamente nas imediações do bairro Nova Terra.

O blog apurou os motivos do acidente, mas não conseguiu informações concretas, apenas sabendo que não houve vítimas fatais e que a Toyota Bandeirantes é de um proprietário do povoado Remanso e a Frontier de um empresário da cidade.

Vejam abaixo as imagens de como ficaram os veículos:

                                    

                                    

                                    
                             

                                    

                                    

                                     

Fotos cedidas por Jonardo Alexandre

quarta-feira, 27 de março de 2013

NOTA DE FALECIMENTO

                     Foto: que deus ilumine seu caminho nesta nova caminhada e que acalme os corações partidos de familiares e amigos que assim como eu tivemos a sorte de conviver com vc obrigado pedro por ter te conhecido vai em paz tenha certeza que vc marcou muito de nos e tutoia nunca vai esquecer sua luta na frente , e seus ideais politicos pelo povo de tutoia foi um prazer meu amigo ate um dia que deus te conforte e coforte sua familia !



É com muito pesar, e dessa vez com uma tristeza maior ainda, que informamos o Falecimento de Pedro Teixeira Lima, (Pedro Filho), por volta do meio dia de hoje, 27 de março de 2013. O mesmo encontrava-se internado no hospital Dirceu Arcoverde na cidade de Parnaíba, após sofrer um acidente no dia 16 do corrente mês, onde a moto que pilotava chocou-se com um animal nas proximidades do centro universitário Darcy Ribeiro(antiga escola agrícola), no povoado Bom Gosto em Tutóia-MA.

Desde então Pedro foi internado na UTI e nos últimos dias havia apresentado uma ligeira melhora em seu quadro, mas infelizmente veio a falecer na data de hoje.

Aos amigos, e nós tínhamos um laço de amizade, fica as lembranças do jovem que era, do sonhador garrido, de alguém que almejava um futuro melhor, que tinhas em sua personalidade, as marcas da coletividade, do bem comum. Um guerreiro, que lutou pela vida até quando teve forças para tal, que não desistiu nem mesmo quando os médicos disseram não.

Um momento de muita comoção na cidade de Tutóia, onde nas redes sociais é crescente as homenagens e despedida de seus amigos. O corpo está previsto para chegar por volta das 17: horas em sua residência, para o último adeus de seus familiares e amigos.

                                    

Nossa singela homenagem a Pedro Filho

"O que dizer nesse momento, talvez o silêncio seja a melhor alternativa, mas confesso que não imaginava isso, e sim uma recuperação. Amizades são construídas em convívios, e assim foi minha amizade c vc, nas tantas andanças por aí, em um período que comungamos de um mesmo objetivo. Impressionantemente tu fostes guerreiro em todo momento, lutou até o último suspiro pela vida. É amigo, a vida tem dessas coisas, por mais que seja difícil compreender por que pessoas boas partem prematuramente, só nos resta aceitar. Meus sinceros pêsames e sentimentos a família de Pedro Teixeira Lima , eterno Pedro Filho. Que descanse em paz!!!"





terça-feira, 26 de março de 2013

SSP apresenta quadrilha que assaltava bancos no Maranhão, Piauí, Pará e Tocantins


SÃO LUÍS - A Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP) apresentou, nesta segunda-feira (25), durante entrevista coletiva, uma quadrilha envolvida em assaltos a banco no Maranhão e nos estados do Piauí, Pará e Tocantins. A polícia informou que bandidos faziam parte de uma extensão da quadrilha de Ivo Maranhão, um dos assaltantes mais conhecidos e perigosos do Nordeste, preso em outra operação policial. Foram apreendidos armas de grosso calibre e muita munição.
A prisão dos assaltantes é fruto de uma operação deflagrada pela Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic) em conjunto com o Núcleo de Inteligência da SSP.
Durante a ação foram detidos Antônio Carlos da Silva Santiago, conhecido como “Carlinhos garimpeiro”, 43 anos, natural de Presidente Dutra, preso em Buriticupu, líder da quadrilha; Raimundo Muniz dos Santos, o “Velho”, 55 anos, natural de Imperatriz e preso em Açailândia; Fabrício de Oliveira Sousa, 30 anos, também natural de Imperatriz, preso na cidade de Araguaína (TO); Edmilcio Conceição Pereira, mais conhecido como “Bigode”, 56 anos, natural de Vitorino Freire; e Maurício Sousa do Monte, 26 anos, natural de Imperatriz, soldado da Polícia Militar lotado no 12º Batalhão de Estreito, que era responsável pelo transporte das armas. Ariosvaldo Silva Lima, o “Ari”, 29 anos; e Wellington de Sousa Lima, conhecido como “Gigante”, 26 anos, ambos de Imperatriz, já haviam sido presos semana passada pela PM.
De acordo com o secretário de Estado de Segurança, Aluísio Mendes, essa quadrilha era especializada em assaltos e explosão de caixas eletrônicos que agia sempre após o fechamento do horário bancário, facilitando assim o roubo. “Essa quadrilha é responsável pelos dois últimos maiores assaltos no Maranhão, nas cidades de Vitorino Freire e Santa Helena. No roubo foram levados mais de R$ 2 milhões”, explicou.
Aluisio disse que a quadrilha possui patrimônios muito grandes e mesmo com parte do bando de Ivo Maranhão já preso, a quadrilha ainda atuava aterrorizando várias cidades.
O secretário de Segurança esclareceu que a polícia tem realizado um bom trabalho e o Maranhão já tem 95% de redução nos grandes crimes praticados no Estado. “Entre os elementos presos, estamos tirando de circulação também um policial militar que era integrante da quadrilha. Ele será expulso e faremos de tudo para que ele fique preso e cumpra a pena por muito tempo”, acrescentou.
Augusto Barros, superintendente Estadual de Investigações Criminais, informou que as ações e crimes dessa quadrilha já vinham sendo monitorados há algum tempo e que o objetivo da polícia é evitar e paralisar a circulação de dinheiro dos bandidos através da grande quantidade de bens que eles possuem.
Segundo o delegado Luis Jorge do Departamento de Combate a Assaltos a Instituições Financeiras da Seic, o chefe da quadrilha Antônio Carlos da Silva Santiago, conhecido como “Carlinhos Garimpeiro” possui um grande patrimônio entre fazendas, postos de gasolina e casas. “Ele tinha mandado de prisão nos municípios de São Domingos, Zé Doca, Santa Helena e Vitorino Freire, as prisões já foram decretadas e o próximo passo é instaurar a ação penal o mais rápido possível”, disse.
As prisões foram efetuadas nos municípios de Buriticupu, Açailândia, Imperatriz, Vitorino Freire e no Tocantins. Os assaltantes responderão pelos crimes de roubo qualificado, roubo consumado, uso de armas, formação de quadrilha armada e ainda tentativa de homicídio.
Material Apreendido
As armas e munições apreendidas na operação foram encontradas enterradas verticalmente em grandes tubos de PVC, manobra que dificultava a investigação da polícia. Dentre o material apreendido estão três escopetas calibre 12, um fuzil AK 47, uma carabina ponto 30, um fuzil de ferrolho 458, 585 munições, sendo 82 de calibre 762 cano longo; 80 de calibre ponto 30; 333 de calibre 762 cano curto e 90 de calibre 12, cerca de 4 kg de explosivos, cinco espoletas e ainda máscaras e luvas utilizadas para disfarce nos assaltos.
Participaram, também, da coletiva, o secretário-adjunto de Inteligência, Laércio Costa; o subdelegado geral da Polícia Civil do Maranhão, Marcos Affonso Júnior; e o delegado Samuel Morita, da Delegacia de Vitorino Freire.
 Fonte:  Secom Maranhão / Imirante.com

segunda-feira, 25 de março de 2013

NOTA DE FALECIMENTO!!!

                                        



Hoje a educação do município de Tutóia amanheceu de luto pelo falecimento de um de seus docentes, professor Elismar Sales, que recentemente tinha sido gestor no colégio Vicente Fonseca no povoado São Bento, onde realizou um excelente trabalho, reconhecido pelos alunos e pais . Lamentamos o triste fato e a forma trágica como sua vida foi ceifada, num suicídio onde só Deus poderá no fundo ter certeza das causas e dá conforto a sua alma.   

Nossos pêsames e os sinceros sentimentos a família, Descanse em Paz!!! 

EDUCAÇÃO DE PAULINO NEVES: GRANDE ABSURDO

Do blog do Elivaldo Ramos


É tamanho o absurdo que vive a comunidade de pais e de profissionais da Educação do município de Paulino Neves: início de aulas com atrasos, falta de professores em muitas escolas, alunos sem horário completo de aulasSecretária de Educação que parece não ter muita autonomia na sua pasta, pois em reunião no início das aulas chegou a afirmar que sua parte é "pedagógica" e que administração cuidaria do restante, ou seja, que reajuste em salários, e outros são determinados pela administração (Secretário de Administração totalmente obediente ao prefeito, sem autonomia também).

Recentemente o Sindicato que representa a categoria no município protocolou um ofício pedindo posição sobre uma ATA compromisso firmada em 25 de fevereiro deste, sem resposta.

Será que a Educação deve mesmo caminhar nesta tenebrosa situação? 
Será que é somente discurso dizer que "nos importamos com os nossos alunos, com seus aprendizados"?
Até quando viveremos essa situação?
Cadê a comunidade de pais e de moradores do município que não formaliza denúncia ao Ministério Público?

Veja que absurdo nos horários da escola que dou aula em Paulino Neves: os pontos de interrogação significa falta de professor, e olha que isso está com duas semanas, e nada se resolve.
Mas, alegam que é porque a prefeitura está lotando os excedentes de concursos. Tudo bem, entende-se. E o início do ano (digo dois meses, não deu tempo de publicar as resoluções convocando excedentes?).

PAULINO NEVES: Prefeito Busca Recursos para Construção da Ponte


Raimundo Rocha, Pref. Raimundinho Lídio, Gov. Roseana Sarney, 
Dep. Cesar Pires e Ver. Amadeu
 
Do Blog do Francis

O prefeito de Paulino Neves, Raimundo de Oliveira Filho (PRB) esteve em São Luís para viabilizar recursos do Governo do Estado do Maranhão para a construção da ponte que liga os dois lados da cidade de Paulino Neves, município distante 230 km de Chapadinha. O prefeito foi recebido pelo Deputado Estadual César Pires, que já tinha agendado uma reunião com a Governadora do Estado Roseana Sarney, no Palácio dos Leões.

                              

Raimundinho Lídio, que na oportunidade foi acompanhado pelo Vereador Amadeu Araujo Filho e o Assessor Raimundo de Oliveira Rocha, apresentou a situação em que se encontra a ponte atualmente à Governadora. De acordo com o prefeito, a Governadora prometeu estudar com carinho a liberação dos recursos e, inclusive, já solicitou aos técnicos da Defesa Civil do Estado uma vistoria no local. "Estamos muito agradecidos e confiantes na obtenção da verba, inclusive, agradecemos também o deputado César Pires pela sua valiosa colaboração", disse o prefeito.


Raimundinho, disse ainda que a obra é de extrema importância e que precisa ser executada com urgência, mas é necessário uma parceria que complemente os recursos do município. "A ponte atual é feita de madeira e está em péssimas condições de trafegar por ela, alem de contar apenas com uma via. E, já que teremos que fazer uma nova, faremos da maneira correta e nos padrões ideais para suportar o trânsito e as variações climáticas, por isso, contamos muito com a parceria do Estado para realizar esta obra urgente que vai beneficiar milhares de pessoas", disse.

sábado, 23 de março de 2013

Agência dos Correios de Buriti- MA é assaltada pela sexta vez


A Agência dos Correios de Buriti registrou este ano dois assaltos. O primeiro foi em janeiro.

Foto: Correio Buritiense 


De acordo com informações do Blog BTN, à agência dos correios de Buriti, MA foi assaltada na tarde de ontem - sexta-feira (22) por dois bandidos fortemente armados. Testemunhas disseram ao Blog BTN, que os assaltantes chegaram anunciando o assalto e mandando encher uma bolsa que eles carregavam. "Tudo aconteceu muito rápido e foi muito tenso", disse uma testemunha.

Após efetuar o assalto, os bandidos fugiram em uma moto, a quantia levada pela dupla de assaltantes não foi revelada. A polícia ainda não tem pistas sobre o paradeiro dos bandidos.

Os blogs da região Buriti informaram que este é o sexto assalto à agência dos Correios da cidade, o segundo em  2013,  o  primeiro  foi registrado em janeiro.

Fonte CN1

sexta-feira, 22 de março de 2013

Hoje Dia Mundial da Água

Nesta sexta-feira (22) comemoramos o Dia Mundial da Água, data criada a partir de 1993 para chamar a atenção sobre a importância da água doce e defender a gestão sustentável dos recursos hídricos. Mas, em 2013, a água recebe atenção especial, pois durante todo o ano, a Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco) vem desenvolvendo uma série de eventos visando, principalmente, a conscientização sobre a importância, os benefícios e os desafios da cooperação em questões relacionadas aos mananciais existentes no Planeta com a celebração do Ano Internacional para Cooperação pela Água.

A expectativa da Unesco é que o Ano Internacional da Cooperação pela Água mobilize governos, empresas, organizações não-governamentais e a sociedade civil em níveis internacional, nacional, regional e local a agir em prol da Cooperação pela Água. A Organização acredita que a campanha trará motivação para além do Ano com esforços de conscientização.


As quatro mensagens principais da campanha são: a cooperação pela água é crucial para a erradicação da pobreza, a igualdade social e a igualdade de gênero; gera benefícios econômicos; é crucial para preservar os recursos hídricos e proteger o meio ambiente; e constrói a paz.


Diante dos desafios a serem enfrentados na gestão da água do Planeta, o Brasil, de acordo com relatório divulgado no ano passado pela Agência Nacional de Águas (ANA), apresenta situação confortável, em termos mundiais, no que diz respeito aos recursos hídricos.


A disponibilidade de água por habitante indica uma situação tranquila quando comparada aos valores dos demais países informados pela Organização das Nações Unidas (ONU). No entanto, o relatório da ANA indica que, apesar dessa aparente tranquilidade, existe uma distribuição desigual dos recursos hídricos no Brasil com 80% da água disponível concentrados na área que abrange a Região Amazônica.

Fonte: blog do Yuri Gomes

Colação de grau especial de aluno do curso de geografia do PROEB

Foto
Colação aconteceu nesta quinta-feira, por meio da Assessoria de Interiorização



SÃO LUIS - A Universidade Federal do Maranhão (UFMA) concedeu, nesta quinta–feira (21), colação de grau especial para Renan Medeiros Pereira por meio da Assessoria de Interiorização. O graduando de Geografia Licenciatura Renan Medeiros Pereira é aluno do Programa Especial de Formação de Professores para a Educação Básica (PROEB) no município de Tutóia, a 456 km de São Luís. A cerimônia teve a participação da Coordenadora Geral do Proeb Cenidalva Miranda de Sousa Teixeira e da coordenadora financeira do PROEB, Tânia Serra Ribeiro Amorim. 

fonte: UFMA NOTÍCIAS


PMDB começa a definir estratégias para as disputas estaduais de 2014

Ministro Edison Lobão e secretário Luís Fernando, pré-candidatos ao Governo do Estado, participarão juntos do evento.


A direção estadual do PMDB começa hoje a definir as estratégias do partido para as disputas eleitorais de 2014. Em encontro no qual receberá todos os prefeitos, vice-prefeitos e vereadores filiados à legenda – e que contará com a participação de todos os seus grandes expoentes -, peemedebistas de todo o estado traçarão metas e conhecerão a visão da sigla para a sucessão do ano que vem.
De acordo com o presidente estadual do PMDB, senador João Alberto, o objetivo é, principalmente, orientar os novos prefeitos da legenda com foco. “Essa será a primeira reunião do partido depois da eleição de todos os nossos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. Daremos orientações a eles e também mostraremos como o PMDB enxerga o cenário político atual e o que se projeta para o próximo ano”, destacou.
No total, segundo João Alberto, o partido tem 47 prefeitos, 17 vice-prefeitos e 235 vereadores em todo o estado. “É o maior partido do estado. Precisamos sentar para conversar e colocar tudo no seu devido lugar. Vai ser uma conversa ótima”, completou.
Para o deputado estadual Roberto Costa (PMDB), presidente do PMDB em São Luís, a parceria com órgãos de controle externo, como o Tribunal de Contas do Estado (TCE) do Maranhão, por exemplo, possibilitará qualificação aos gestores e parlamentares. “Nosso objetivo é ter os gestores do PMDB preparados e qualificados para fazer grandes administrações”, completou.
Fonte. O Estado do Maranhão.com

quinta-feira, 21 de março de 2013

Tutóia registra maior volume de chuva do Ano: 66mm


A madrugada desta quinta feira Tutóia registrou o maior volume de chuva do ano. 
Trecho de rua erodido no Comum
Após um longo período sem chuvas o observatório do IEMMa sob a coordenação do professor de Geografia Elivaldo Ramos registrou a marca de 66mm de chuva. 
Alguns pontos ficaram alagados, em outros as fortes enxurradas arrastaram lama e areia em trechos das estradas Ma-034 e Ma-315 que cortam o município.
Desde Abril do ano passado não chovia assim em Tutóia. A chuvarada de ontem assustou moradores do Bairro Comum e deixou erodido trechos de ruas, como mostrado nas fotos.

Lama e areia carregadas pela enxurrada

Rua Alagada, ainda pela manhã, próximo ao Cemitério da Igualdade

Fonte: Blog do Elivaldo Ramos