CASA BELA - MÓVEIS E ELETRODOMÉSTICOS

Pesquisar este blog

quarta-feira, 27 de julho de 2016

TODO CUIDADO É POUCO: Blogueiro de Araioses responderá por fraude em pesquisa eleitoral

Márcio Maranhão, mesmo excluindo a postagem responderá por fraude de pesquisa, podendo pagar multa de até 106 mil e pena de 1 ano de prisão

Por Daby Santos

Marcio Maranhão excluiu a postagem acima, mas ela foi salva pelos que foram ofendidos e prejudicados

Após a divulgação dos dados oficiais da pesquisa pelo Instituto MBO, constata-se que Márcio Maranhão cometeu crime tipificado na Resolução nº 23.453, de 15 de dezembro de 2015 do Tribunal Superior Eleitoral, visto que o mesmo manipulou os dados com o único intuito de enganar a população, favorecendo a sua candidata à prefeita, podendo ser preso por até um ano e pagar uma multa que varia de 53 a 106 mil reais, é o que diz o art. 18 da, o qual reproduzimos na íntegra abaixo:

Art. 18. A divulgação de pesquisa fraudulenta constitui crime, punível com detenção de seis meses a um ano e multa no valor de R$ 53.205,00 (cinquenta e três mil, duzentos e cinco reais) a R$ 106.410,00 (cento e seis mil, quatrocentos e dez reais) (Lei nº 9.504/1997, arts. 33, § 4º, e 105, § 2º).

Dias depois o blogueiro excluiu a postagem, certamente temendo ações judicias que os ofendidos e prejudicados irão agilizar contra ele. O fato em si mostra da parte dele medo e falta de coragem de assumir seus atos, o que lhe parece bastante peculiar.

Retirar as postagens não encerra o assunto. Suas mentiras que foram vistas por milhares de pessoas e muitos as compartilharam nas redes sociais, teve como objetivo principal induzir o eleitor araiosense a acreditar num quadro eleitoral que não existe, como demostra a pesquisa do MBO e como foram devidamente salvas, mesmo excluída, ela permanece no cache do Google, sem contar que os prejudicados para se resguardarem tiveram o cuidado de fazer o Prt Sc do que foi publicado no blog de MM.

Márcio Maranhão disse também que tentaram confundir o público com informações de última hora, antes da convenção deles. Ora, quem tentou confundir o público foi ele ao divulgar de forma fraudulenta o resultado da pesquisa do MBO e até agora ainda não teve a coragem de rebater a pesquisa do Instituto, nem a nota do empresário.

As medidas que o caso requer já estão sendo tomadas pelo próprio Instituto, conforme enfatizou em nota publicada por mim (blog do Daby Santos) com exclusividade, na qual repudia a matéria veiculada pelo blog do Márcio Maranhão e pelos outros pré-candidatos que o blogueiro quis prejudicar.

Todos nós temos o nosso posicionamento político, mas temos que trabalhar com responsabilidade, divulgando a notícia embasado em provas, evitando assim, corrermos os riscos de descumprir a nossa legislação, sendo submetido as suas penalidades civis e criminais, ainda mais por pessoas que não prestarão o mínimo auxílio quando estiver em situação desconfortável.

Sei que Marcio Maranhão não está só nesse caso, mas ele certamente vai ter que enfrentar as consequências sozinho e quem o empurrou para esse triste destino vai se fingir de morto e dizer que não tem nada com isso.


Nenhum comentário:

Postar um comentário