CASA BELA - MÓVEIS E ELETRODOMÉSTICOS

Pesquisar este blog

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

CHAPADINHA: Sequestradores se entregam e libertam reféns idosas


Acabou por volta das 17:30 desta segunda feira (17) o sequestro que deixou toda a cidade de Chapadinha em estado de choque.

Dois assaltantes praticaram três assaltos durante a manhã desta segunda feira, o primeiro foi a uma casa lotérica no areal, o segundo um posto de gasolina no bairro corrente e o terceiro foi à revendedora Liquigás, depois da tentativa de assalto a revendedora de gás os dois elementos tentaram fuga momento que foi abordado por policias apaisana, dai começou a perseguição, os elementos tentaram fuga pela rua norte da Aldeia adentraram na casa da Sra. Zita (Mãe do Domingo fotografo), na casa havia 4 pessoas, entre elas o promotor de evento Netinho do Vale que foi amarrado pelos braços, e em um momento de distração dos sequestradores conseguiu fugir pulando o muro da casa. (Reveja a matéria aqui)

Uma equipe de negociadores coordenada pelo Coronel Luís Eduardo Vaz, (diretor do centro integrado de segurança Pública do Maranhão), que chegou por volta de meio dia, quando as policias civil e militar já estavam em negociação com os dois sequestradores que estavam irredutíveis e ameaçavam tirar a própria vida e a vida dos reféns.

Foram mais de 9 horas de negociação entre os sequestradores e os negociadores. Já por volta das 17:30 os assaltantes resolveram se entregar, entregando as armas e coletes a prova de balas que antes havia sido exigido por eles.

A dupla exigiram dois advogados, um carro, e que fossem levados direto para presidio de Pedrinhas em São Luís, eles também exigiram a presença da imprensa que filmassem tudo momento que eles se entregavam para a polícia.
A união de todos os poderes foi fundamental para o desfecho deste caso inédito que aconteceu hoje em Chapadinha.

As idosas que estiveram o tempo todo sobre a mira de revolver e sendo ameaçada de morte, saíram ilesas. Após o termino do sequestro uma multidão tentou lixar os dois assaltantes, mas com a agilidade da Polícia a integridade física do dois foi mantida, eles foram encaminhados para a penitenciária, onde se encontram a disposição da justiça.

A polícia Civil, homens da policia Militar (16º BPM) e juiz Cristiano Simas participaram de toda a negociação o que foi fundamental o para o desfecho desse caso.


Por Alexandre Cunha/Chapadinha-MA 
   

Nenhum comentário:

Postar um comentário